Topo

O piano de Chopin, Tom Jobim e Bill Evans

Chopin, Tom Jobim e Bill Evans

O piano de Chopin, Tom Jobim e Bill Evans

O que tem a ver o pianismo de Chopin
com o de Tom Jobim ou Bill Evans?

 

O que podemos aprender de Schumann
para aplicar no repertório popular?

 

Por incrível que pareça, há similaridades muito fortes que podem ser aproveitadas pelos pianistas para tocar em piano solo. Sabemos que a dificuldade maior, no âmbito do chamado “piano popular” reside na realização de um acompanhamento “suficientemente bom”, que contemple uma boa harmonização e uma rítmica coerente. 

 

Podemos evidenciar três maneiras de realizar o piano solo, de acordo com determinadas circunstâncias. Isso ao que me refiro pode ser aplicado, por exemplo, na Bossa Nova? Na música dos Beatles? No Samba? A resposta é uma só: SIM!!

 

Na LIVE do dia 19 de abril de 2021, dentro da programação da SEMANA DAS TECLAS, irei apresentar esse tema, oferecendo exemplos e aplicações para a realização do piano solo.

 

Se você ainda não estiver inscrito à Semana das Teclas faça sua inscrição agora mesmo! É 100% GRATUITO!! Veja a seguir as informações.

Parceiros:

Turi Collura

Turi Collura é pianista, compositor, músico profissional. Atua como professor em Cursos de Pós-Graduação, em Conservatórios e Festivais de música pelo Brasil e no exterior. Formado na Itália em Disciplinas da Música (Bolonha) e na Escola de Jazz (Milão), é Mestre pela UFES, e Pós-graduado pela mesma Instituição. Turi é Coordenador Pedagógico do Terra da Música e Professor de alguns cursos online. É autor de métodos em livros e DVD (Improvisação, Piano Bossa Nova, Rítmica e Levadas Brasileiras para Piano), alguns dos quais publicados pela Editora Irmãos Vitale e com tradução em inglês. Ativo na cena musical como solista, músico de estúdio e arranjador, tem participado da gravação/produção de diversos discos. Em 2012, seu CD autoral “Interferências” ganhou uma versão japonesa. Seu segundo CD faz uma releitura moderna de algumas composições do sambista Noel Rosa.

Sem comentários

Deixe seu comentário